Home / Canais / Ciência
Crime desvendado na Universidade de Évora
Ilustração: DQUIM
Crime desvendado na Universidade de Évora
Entrar na pele de um investigador forense e descobrir quem cometeu um crime, vestindo a pele de Sherlock Holmes, foi o desafio proposto pelo departamento de Química da Universidade e pelo Centro de Química de Évora, nas comemorações do Ano Internacional da Química. O 1.º prémio do “Desvenda o crime!” vai ser entregue a Tiago Rosa, de Torres Novas, no próximo dia 29 de março, pelas 14h30, no anfiteatro 1 do Colégio Luís António Verney.

Na sessão de encerramento do “Desvenda o crime!”, atividade na qual participaram 236 jovens e entre os quais 45 conseguiram descobrir o crime, são entregues três menções honrosas a Júlio Sousa e Jorge Barata, de Alcains, e Miguel Félix, do Redondo. Esta atividade, do tipo webquest, foi totalmente realizada em ambiente virtual no site Desvenda o Crime (www.desvendaocrime.uevora.pt).

“Policiário, uma ferramenta para a vida é o tema da tertúlia inicial a ser apresentada por Luís Santos, coordenador do Policiário do jornal Publico. Pelas 15h00 tem lugar a intervenção do Prof. João Nabais sobre “As atividades forenses na Universidade de Évora”. Em seguida é apresentada, pelo Prof. Cruz Morais, a resolução do desafio “Desvenda o Crime” e finalmente são entregues, aos galardoados, o prémio e as três menções honrosas.

Publicado em 26.03.2012