Home / Canais / Academia
Foto: João Barnabé
Congresso Internacional
A língua e a cultura de judeus e mouros na Península Ibérica e na diáspora em debate na Universidade de Évora

O congresso internacional “Na Península Ibérica e na diáspora: língua e cultura de judeus e mouros” apresenta, entre os dias 5 e 6 de novembro, os resultados de um projeto liderado pela Universidade de Évora e financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT).

A língua, enquanto expressão primeira de uma identidade social especifica, é o tema central do colóquio. A maior parte das comunicações centra-se na dinâmica das relações discursivas com o outro ou acerca do outro (minoria social e religiosa, poder central, politico e religioso ou a maioria católica) e também na análise da porosidade das línguas e das culturas de judeus e mouros.

Para a Vice-reitora da Universidade de Évora, Prof.ª Hermínia Vilar, é importante para a instituição “discutir temas em torno das ciências sociais e humanas, numa altura em que as humanidades perdem terreno”. 

O congresso é uma organização do CIDEHUS, do CHAM – Universidade Nova de Lisboa e Universidade dos Açores e da Associação Portuguesa de Estudos Judaicos. 

Publicado em 06.11.2012